Pensamentos de Padre Pio – Mês de Agosto

1. Deus permite-nos descobrir quem nós somos pouco a pouco. Na realidade, é inconcebível para mim como para qualquer um com inteligência e com uma consciência possa ficar orgulhoso.

 

2. Além disso, eu lhe digo que ame sua abjecção e amar sua abjecção consiste precisamente nisto: Se você é humilde, tranquilo, doce e confiante em tempos de escuridão e impotência; quer dizer, se você não fica inquieto, transtornado e ansioso por causa de tudo isso, mas você abraça estas cruzes alegremente (eu não digo alegremente, mas eu digo francamente e constantemente) e permanece nesta escuridão, então você amará sua abjeção. Porque o que significa abjeção se não ser humilde e impotente?

 

3. Peçamos também ao nosso bom Jesus a humildade, a confiança e fé de nossa querida santa Clara de assis; rezemos fervorosamente a Jesus como ela. Deixemo-nos abandonar a Ele; separando nós mesmos deste mundo mentiroso onde tudo é loucura e vaidade; tudo passa, só Deus permanece à alma, se soubermos amá-LO bem.

 

4. Não obstante, há algumas diferenças entre a virtude de humildade e da abjeção, porque humildade é o reconhecimento da abjeção da pessoa. Mas o grau mais alto de humildade é, não só reconhecer a abjeção da pessoa, mas amar isto. Isto é o que eu o exortei a fazer.

 

5. Nunca se deite sem primeiro ter examinado sua consciência, no modo como você passou o dia e sem primeiro colocar seus pensamentos para Deus. Então ofereça e consagre sua pessoa inteira e de todo Cristão, especialmente meu ego miserável, para Deus da mesma maneira que eu faço para você.

 

6. Você tem que insistir principalmente em base de justiça cristã e a fundação de bondade; isso está na virtude da qual o Jesus se oferece explicitamente como um modelo: humildade, interior e humildade exterior, mas mais interior que exterior, mais sentido que mostrado, mais profundo que visível.

 

7. Eu estou seguro você deseja saber o que é melhor a abjeção, e eu lhe digo é que nós não nos escolhemos, ou o que é menos bem-vindo a nós. Ou, para explicar melhor, para com aqueles que nós não sentimos nenhuma inclinação.

 

8. Eu não sou como Deus me fez, contudo eu sinto que teria que fazer um maior esforço para fazer um ato de orgulho que um ato de humildade. Porque humildade é verdade, e a verdade é que eu não sou nada, e todo o bem que está em mim é de Deus. E nós frequentemente deterioramos até mesmo o bem que Deus pôs em nós. Quando as pessoas me pedirem algo, eu não penso no que eu posso dar mas no que eu não sei dar, e das muitas almas que permanecem sedentas porque eu não lhes soube dar o presente de Deus.

Pensar que a todo momento Jesus se enxerta em nós, nos penetra completamente, nos dá tudo, então um ramo ou uma flor de humildade deveriam brotar em nós. Por outro lado, o diabo que não pode se enxertar em nós tão profundamente quanto Jesus, imediatamente faz brotos de orgulho germinar em nós. Isto não é uma honra para nós. Temos então que lutar e combater para subir. Não chegaremos ao ápice sem um encontro com Deus. Para O encontrarmos, temos que ascender e Ele tem que descer. Mas quando não somos mais capazes, então no descanso sejamos humildes, e é nesta humildade que nós conheceremos Deus, porque Ele desce nos corações dos humildes.

 

9. A verdadeira humildade do coração é a sentida e viva em lugar da mostrada. Nós sempre temos que nos humilhar diante de Deus, mas não com aquela falsa humildade que traz desânimo, abatimento e geradora de desespero.

Nós temos que ter um baixo conceito de nós mesmos. Temos que acreditar que nós somos inferiores a todo o mundo. Não devemos pôr nossos interesses antes dos interesses dos outros.

 

10. Nenhum de nós merece qualquer coisa neste mundo; é Deus que é benevolente para connosco e é a Sua clemência infinita que nos dá tudo porque Ele tudo perdoa.

 

11. Se tivermos de ser pacientes e aguentar as faltas de outros, ainda mais nos devemos tolerar. Em suas transgressões diárias se humilhe, humilhe-se a si mesmo, sempre se humilhe. Quando o Jesus vê que você se prostrou com humildade, Ele estenderá Sua mão e o atrairá a Si.

 

12. Você construiu mal. Destrua tudo e reconstrua bem.

 

13. O que é felicidade se não a posse de todo bem que faz o homem completamente feliz? Mas podemos achar alguém que está completamente contente nesta terra? Certamente não. O homem teria estado contente se ele tivesse permanecido fiel a Deus. Mas dada aquele homem está cheio de crime, quer dizer, peque, ele nunca pode estar totalmente contente. Então, só no Céu a felicidade pode ser achada. Lá, não há nenhum perigo de perder a Deus, nenhum sofrimento, nenhuma morte, mas vida eterna com Jesus Cristo.

 

14. “Padre, você é tão bom!” “Eu não sou bom, só Jesus é bom. Eu não sei como este hábito de São Francisco que eu uso não corre para longe de mim! O pior delinquente da terra é dourado comparado a mim.”

 

15. Humildade e caridade vão juntas. Uma glorifica e a outra santifica. Humildade e pureza são asas que nos elevam a Deus e nos fazem quase divinos.

 

16. Sempre seja afectuosamente humilde diante de Deus e dos homens, porque Deus fala com esses cujos corações são verdadeiramente humildes e os enriquecem com Seus presentes.

 

17. Voltemos primeiro nossos olhos para o alto e só depois para nós mesmos. A distância infinita entre o azul-celeste e o abismo gera humildade.

 

18. Se nossa firmeza dependesse de nossos pés, indubitavelmente nós entraríamos nas mãos do inimigo de nossa salvação à brisa mais leve. Confiemos sempre na clemência divina e assim nós experimentaremos cada vez mais, como é bom o nosso Deus.

 

19. Você deveria se humilhar diante de Deus em vez de ficar abatido, se Ele desejar reservar para você os sofrimentos de Seu Filho, e você sentir sua fraqueza; você tem que rezar a Ele com resignação e esperança quando cair por fraqueza e Lhe agradecer para os muitos benefícios com que Ele o enriquece.

 

20. O que posso eu fazer? Tudo vem de Deus. Eu só possuo uma coisa, miséria infinita.

 

21. Se Deus levasse embora tudo aquilo que Ele nos deu, nós estaríamos em trapos.

 

22. “Quanta malícia há em mim!”

“Mantenha aquela convicção, se humilhe mas não se aflija.”

 

23. Tenha cuidado para nunca ser desencorajado quando você é rodeado por fraquezas espirituais. Se Deus se permite desabar um pouco de fraquezas, não é para o abandonar, mas apenas para o estabelecer em humildade e o fazer mais cuidadoso no futuro.

 

24. O mundo não nos estima porque nós somos as crianças de Deus; nos consolemos que pelo menos de vez em quando reconhece a verdade e não mente.

 

25. Ame e pratique a simplicidade e a humildade e não se preocupe sobre a opinião do mundo, porque se este mundo não tivesse nada que dizer contra nós, não seríamos reais criados de Deus.

 

26. Amor-próprio, filha do orgulho e da arrogância, é mais maliciosa que a própria mãe.

 

27. Humildade é verdade, verdade é humildade.

 

28. Deus enriquece a alma que se despe de tudo.

 

29. Ser submisso não significa ser um escravo, mas ser livre para conselho santo.

 

30. Quando nós fazemos a vontade dos outros, nós temos que perceber que estamos fazendo a vontade de Deus que é manifestada para nós na vontade de nossos superiores e vizinhos.

 

31. Fique sempre perto da Igreja Católica, porque só Ela lhe pode dar verdadeira paz, porque somente Ela possui a Jesus no Santíssimo Sacramento que é o verdadeiro Príncipe de Paz.

Fonte: http://saopio.wordpress.com/2008/08/13/frases-pe-pio-mes-de-agosto/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s